quarta-feira, 19 de abril de 2017

Mais uma vez sonhei com o Alberto, o motivo eu desconheço, talvez seja o inconsciente querendo me trollar, no começo foi um sonho bom mas no fim, como sempre, tudo desmoronou. 
Quando acordei a saudade mais uma vez me pegou de jeito, queria entender que ligação é essa que eu sinto até hoje. Será que isso é amor? 
Estava conversando com uma amiga um dia desses e contei sobre a época que estávamos juntos, como ele me tratava bem, se lembrava de tudo que eu falava para ele, contei sobre uma conversa alcoolizada que tive com ele e contei meu escritor favorito, as datas mais tristes do ano e quando uma dessas datas triste chegou ele me deu um livro do meu escritor favorito com uma dedicatória na capa, dizendo para usar a dor que eu sentia em meu favor, para lutar pelos meus sonhos e os tornar realidade, e embaixo do seu nome escreveu 'gosto de cada minuto que estou ao seu lado', uma frase do Caio Fernando Abreu. E ao lembrar dessas histórias me deu uma nostalgia boa do pouco tempo que tivemos juntos, e isso foi o suficiente para me fazer querer ele mais do que tudo. Eu confiava tanto nele, eu abri meu coração, abaixei a guarda, e me entreguei, foi muito bom enquanto durou, mas tudo que é bom acaba. Hoje só me restam lembranças, e certamente ele nem se lembra mais de mim... 

sábado, 1 de abril de 2017

Dreams, dreams Of when we had just started things Dreams of you and me It seems, it seems That I can't shake those memories I wonder if you have the same dreams too

Sonhei com você, e no sonho você me procurava para me dizer que ainda me queria ao seu lado, que guardava todas as nossas lembranças, que você queria retomar tudo de onde paramos, eu relutava mas só de pensar na situação estava feliz, queria viver tudo de novo... Quando acordei veio a realidade, que nada volta a ser como era antes, na vida tudo tem seu fim e o nosso chegou há anos, mas ainda sim foi bom sonhar com você, lembrar de como é estar apaixonada. 
Bateu saudade da gente, do que éramos e do que nunca mais vamos ser.
Eu queria muito superar esse amor platônico que sinto por você Alberto, já não tem mais graça procurar um vestígio de você em outras pessoas, preciso superar e deixar para trás.